Pular para o conteúdo principal

VOCÊ TEM UMA FÉ EGOÍSTA OU COMUNITÁRIA?



“Eu não preciso fazer parte de uma igreja local, posso servir a Deus sozinho em casa”.

Provavelmente você já ouviu esta afirmação ou algo parecido. O mais interessante é que isso é visto como algo novo, do nosso tempo, mas é tão velho quanto o próprio pecado. Quando Eva aproximou-se da “árvore do conhecimento do bem e do mal” e foi seduzida pelo diabo ela estava sozinha(Gn. 2.17; 3.1-5).

É trágico ver as distorções que se faz a algo tão simples de compreender e tão vital à fé cristã.

Outra distorção comum é a prática de reunir-se pela mera conveniência ou pela simples adulação que os outros podem nos dá por sermos frequentes nas reuniões, ou para tentar “fazer média com Deus” – como por exemplo, Isaías 1:10-20, como diz o verso 12: “Quando vindes para comparecer perante mim, quem vos requereu o só pisardes os meus átrios?”(grifos meus).

Devo apresentar algumas razões que me vem à mente agora para a boa prática de se congregar numa igreja local:

1.       Congrego porque Deus é amor e, portanto não é egoísta – logo a expressão da minha fé deve ser comunitária, pois se não posso amar a quem eu posso ver, como amarei a quem não o vejo?  1.Jo. 4.20.

2.       Congrego porque é impossível amar sem relacionar – se amo a Deus, devo amar o próximo e jamais o farei se não relacionar. 1.Jo. 4.21; 1Co.13.

3.       Congrego porque o culto congregacional é a uma expressão em miniatura da Igreja que é o Corpo de Cristo dando louvor a Deus – no céu não há crentes ilhados e a comunidade redimida será plena de adoração em volta do Cordeiro de Deus. Ap. 4.

4.       Congrego porque o culto congregacional é uma expressão, mesmo que pálida, da comunhão que há entre o Pai, Filho e Espírito Santo – não há algo tão lindo de se ver nesta terra quanto a reunião de pessoas com costumes diferentes, habilidades diversas, histórias das mais variadas se reunirem num só pensamento, sentimento e coração, isto é, para adorar a Deus, glorifica-lo e servir o próximo, isto é estar em Cristo como um “novo homem”. Cl. 3.10-11.

5.       Congrego porque o crescimento espiritual de cada membro é potencializado pela ministração dos demais membros – em outras palavras, quando um crente deixa de participar efetivamente ele está contribuindo para o enfraquecimento espiritual dos demais. Inclusive, eu mesmo, pela efetiva ação do Espírito Santo, posso(e devo) contribuir para o crescimento dos demais irmãos na fé. 1Co. 12.12-31 e Ef. 4.11-16.

6.       Congrego porque meus pecados e minhas contradições jamais se manifestarão diante de um espelho – você pode ficar horas a fio olhando a si mesmo no espelho, mas só conhecerá a si mesmo quando tiver que jantar, trabalhar, jogar futebol, realizar uma tarefa em grupo, estudar a bíblia e sobretudo, conviver com um grupo de pessoas bem distintas – Pv. 27.17.

7.       Congrego porque não quero ter costume do isolamento autossuficiente – o autor de Hebreus identificou um grupo de irmãos que “se achavam”, achando que, não precisavam de “admoestações”(conselhos) nem de admoestar outros(Hb. 10.25).

Se você esperava argumentos como: “Congrego porque é na igreja(leia-se templo) que eu vou receber aquela bênção!”, “Congrego porque é na igreja(leia-se templo) que o poder de Deus vai se manifestar!” etc., lamento te desapontar, mas você está muito enganado! Esse tipo de declaração é anti-bíblica e absurda. E se as razões que apresentei não lhe motivam a congregar, sugiro que você reveja se está ou não na fé. “Examinai-vos a vós mesmos se realmente estais na fé; provai-vos a vós mesmos. Ou não reconheceis que Jesus Cristo está em vós? Se não é que já estais reprovados”. (2 Co.13.5).

Por isso queridos(as), não há melhor conselho sobre o assunto como já fora dado em Hb.10.24-25:
Consideremo-nos também uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e às boas obras. Não deixemos de congregar-nos, como é costume de alguns; antes, façamos admoestações e tanto mais quanto vedes que o Dia se aproxima”.


Paz e vida em Cristo,




M. Ilton Marcos Soares Freitas
Igreja Presbiteriana Moradas de Paz

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MENSAGEM PARA FORMANDOS EM PEDAGOGIA– No auditório da Escola Heloísa de Campos–Morada Nova de Minas–11/02/2011

TEMA: SEMEADORES DO BEM
TEXTO: Mateus 13:3.
Há muitos motivos para hoje ser uma noite de celebrações, uma delas é que vocês venceram, seus familiares e professores vencem com vocês e o que na Grécia antiga era serviço de alguns escravos, hoje, meritoriamente é reconhecida como uma profissão vital para o Sistema Educacional.
Estou aqui para abençoa-los como Deus me incumbiu e não posso fazê-lo sem refletir na pedagogia de Jesus:
Para isto, gostaria de meditar Mateus 13.3 quando Ele diz: “Eis que o semeador saiu a semear”.
Falando de si mesmo, o Mestre dos mestres resume sua prática pedagógica no ato de semear.
Semear parece ser algo simples demais para configurar uma teoria, mas é, ao meu modo de ver, o casamento da vida. O casamento da semente com a terra.
Se Ele andasse pelas ruas corporalmente como o fez a dois milênios, observaria nossos vizinhos plantando o milho nos quintais e lotes vagos nos finais de ano e em janeiro nos ensinaria preciosas lições desde o plantio do mil…

Fortalece

Bíblia em Texto e ÁudioTV PresbiterianaPrograma Verdade e VidaBlog LEITURA BÍBLICA de segunda-feira, 29 de abril de 2013 DESTAQUE: Simão, Simão, eis que Satanás vos pediu para vos peneirar como trigo;mas eu roguei por ti, para que a tua fé não desfaleça; e tu, quando te converteres, fortalece teus irmãos”. (Lc. 22.32).

Este é um dos mais marcantes episódios na vida de Pedro, pois mesmo quando o apóstolo estava sob a obscurecente sombra da autossuficiência, nosso Senhor Jesus roga por ele para que satanás não viesse a peneira-lo como trigo. A verdade é que todos nós seríamos restolho na peneira, destinados à destruição, ao fogo, se Jesus não intercedesse por nós. Jesus, no entanto, não apenas intercede por nós, mas nos comissiona dizendo: “...e tu, quando te converteres, fortalece teus irmãos”. Este é um chamado claro: Fortalecer os irmãos. Escolha fortalecer os irmãos hoje. Escolha abençoar alguém na fé em Cristo esta semana! Pense nisto! Tenha um bom fim de semana em nome de Jesus! M. Ilton.