Pular para o conteúdo principal

ENCANTAMENTO

Vi um anúncio aqui em minha cidade em que em certa parte se lê assim:
"Unir ou Afastar Pessoas, Fazer voltar alguém a sua companhia...". E ainda: "Amarração e simpatia para o amor e negócios..."

Já pensou que desgraça isso faz nas relações familiares?
Pense num casal unidos não pelo amor consciente, mas por uma espécie de "encantamento" espiritualista; e não se iluda, isto acontece mesmo(em Dt 18.10-13 Deus rejeita os encantadores que na língua original significa: o que faz um nó para prender pessoas).
Já imaginou ter uma pessoa na sua companhia que não te ama, mas se sente na obrigatoriedade espiritual de andar com você? Você gera filhos com essa pessoa e sabe que ela não te ama, ela está com você porque tem um nó espiritual. Mas o mal não para aí, ele tem seus desdobramentos, suas inúmeras formas de procriação:

1. O indivíduo pode ficar o resto da vida com você, mas seu relacionamento será um inferno porque não há amor consciente e verdadeiro.
a) Um lar infernal gera filhos e pais com alma enferma.
b) Você que pagou caro para fazer o "trabalho" agora sente a necessidade de recorrer a outros "trabalhos" para apaziguar seu relacionamento.

2. O indivíduo encantado pode te largar no meio do relacionamento deixando você solitário(a). Isto gera:
a) vazio,
b) ciúmes e inveja,
c) revolta,
d) dependencia,
e) baixo autoestima,
f) uma série de outra mazelas que não dá pra relatar aqui.

3. O indivíduo encantado geralmente entra numa paranóia descontrolada.
Conheci um casal vindo da Bahia para cidade de Pai Pedro que estava debaixo de uma relação dessas. Um dia andando pela rua o homem(que vivia entre o encanto e o ódio) entrou numa casa, roubou uma faca e esfaqueou sua namorada. Foi um dos dias mais tristes da minha vida, quando deparamos com o corpo daquela jovem todo perfurado.

Há muitos outros desdobramentos do mal que não dá pra relatar aqui.

Ah como gostaria que meus queridos moradenses abrissem os olhos!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MENSAGEM PARA FORMANDOS EM PEDAGOGIA– No auditório da Escola Heloísa de Campos–Morada Nova de Minas–11/02/2011

TEMA: SEMEADORES DO BEM
TEXTO: Mateus 13:3.
Há muitos motivos para hoje ser uma noite de celebrações, uma delas é que vocês venceram, seus familiares e professores vencem com vocês e o que na Grécia antiga era serviço de alguns escravos, hoje, meritoriamente é reconhecida como uma profissão vital para o Sistema Educacional.
Estou aqui para abençoa-los como Deus me incumbiu e não posso fazê-lo sem refletir na pedagogia de Jesus:
Para isto, gostaria de meditar Mateus 13.3 quando Ele diz: “Eis que o semeador saiu a semear”.
Falando de si mesmo, o Mestre dos mestres resume sua prática pedagógica no ato de semear.
Semear parece ser algo simples demais para configurar uma teoria, mas é, ao meu modo de ver, o casamento da vida. O casamento da semente com a terra.
Se Ele andasse pelas ruas corporalmente como o fez a dois milênios, observaria nossos vizinhos plantando o milho nos quintais e lotes vagos nos finais de ano e em janeiro nos ensinaria preciosas lições desde o plantio do mil…

Fortalece

Bíblia em Texto e ÁudioTV PresbiterianaPrograma Verdade e VidaBlog LEITURA BÍBLICA de segunda-feira, 29 de abril de 2013 DESTAQUE: Simão, Simão, eis que Satanás vos pediu para vos peneirar como trigo;mas eu roguei por ti, para que a tua fé não desfaleça; e tu, quando te converteres, fortalece teus irmãos”. (Lc. 22.32).

Este é um dos mais marcantes episódios na vida de Pedro, pois mesmo quando o apóstolo estava sob a obscurecente sombra da autossuficiência, nosso Senhor Jesus roga por ele para que satanás não viesse a peneira-lo como trigo. A verdade é que todos nós seríamos restolho na peneira, destinados à destruição, ao fogo, se Jesus não intercedesse por nós. Jesus, no entanto, não apenas intercede por nós, mas nos comissiona dizendo: “...e tu, quando te converteres, fortalece teus irmãos”. Este é um chamado claro: Fortalecer os irmãos. Escolha fortalecer os irmãos hoje. Escolha abençoar alguém na fé em Cristo esta semana! Pense nisto! Tenha um bom fim de semana em nome de Jesus! M. Ilton.